Voragem

Voragem foi escrito por Junichiro Tanizaki na década de 1920. Trata-se da história de um triângulo amoroso, entre Sonoko, seu marido Kakiuchi e a amiga Mitsuko. Esses três personagens se envolvem numa trama desencadeada pela amizade entre Sonoko e Mitsuko, que se conhecem numa escola de pintura e desenho. Essa aproximação das duas mulheres vai se intensificando e se transforma numa relação amorosa, profundamente apaixonada.

Sonoko aos poucos torna-se obsessiva por Mitsuko, atraída por sua beleza. Essa obsessão aos poucos vai envolvendo marido, namorado e familiares, numa trama envolvente, cheia de peripécias e imprevistos, contada em primeira pessoa pela própria Sonoko. O leitor é também enredado por essa história que termina tragicamente.

Tanizaki é considerado um dos maiores escritores japoneses, sua obra nos permite entrar em contato com a literatura daquele país, assim como conhecermos aspectos da cultura do Japão naquele período como a relação entre mulheres e homens, a condição feminina e a temática da homossexualidade.